Maquiagem Artística: conheça os detalhes da atuação profissional.
Maquiagem Artística: conheça os detalhes da atuação profissional.

Você sabe identificar uma maquiagem artística? É fácil, basta prestar atenção nos filmes, séries, peças de teatro, desfiles de carnaval, musicais, entre outros espetáculos nos quais há personagens tão bem caracterizados que parecem reais.

Graças ao trabalho árduo da maquiagem artística, embarcamos em um mundo de fantasia: elfos, zumbis, fadas, bruxas, leões, bonecas, monstros, palhaços, caveiras tradicionais e mexicanas, além de muitas outras criaturas são a prova viva de seus criadores.

São tantas cores, traços, sombras e técnicas empregadas que o profissional precisa estudar bastante, ter referências, ser criativo e, acima de tudo, estar muito bem alinhado à equipe de produção de cada projeto.

 

Os profissionais que atuam com maquiagem artística

 

Maquiagem Artística: o trabalho de caracterização é bem amplo.
Maquiagem Artística: o trabalho de caracterização é bem amplo.

 

Os maquiadores sociais – que produzem a make de seus clientes para festas, aniversários, casamentos, entre outros eventos – são os que mais procuram especialização em maquiagem cênica. A ideia é aprimorar ou aprender novas técnicas e, claro, expandir o leque de atuação na área. Artistas plásticos também têm mostrado interesse por essa profissão desafiadora.

Dentro do próprio segmento da maquiagem artística, há diferentes técnicas. Quando a maquiagem é para teatro, por exemplo, o contraste entre luz e sombra, bem como a distância entre a plateia e os atores, exige traços mais marcantes.

Já para o cinema e TV, as maquiagens podem seguir linhas mais naturalistas; dependendo do tipo de produção, ela pode exigir, ainda, efeitos especiais com próteses para criar volume, massas para cicatrizes e ferimentos, entre outros recursos.

Por isso, para quem gosta e pretende investir nessa carreira, nós listamos:

 

5 desafios para atuar com maquiagem artística

 

Beautiful girl with creative make-up for the Halloween party
Maquiagem Artística: as amplas possibilidades de atuação – de eventos às produções de cinema e TV.

 

 

 1. Conheça o projeto e atue de maneira integrada com o casting

 

Antes de sair abrindo estojos e botando a mão na massa, o profissional deve ficar atento a algumas regrinhas básicas:

  • estude o briefing do projeto;
  • converse com a equipe de produção e entenda a dinâmica das cenas. Questione detalhes, como por exemplo, se haverá ou não troca de figurinos.

Alguns pontos que podem enriquecer o processo criativo da maquiagem artística:

  • locação: se será em estúdio, teatro ou ao ar livre;
  • tipo de iluminação e a paleta de cores do cenário e do figurino;
  • é imprescindível conhecer o casting;
  • analise o perfil de cada modelo/ator – tipo de pele, possíveis alergias – e do personagem – qual é o roteiro em cena, como será sua movimentação, entre outras questões.

Só depois disso tudo é que, finalmente, a maquiagem entra em cena e começa a transformação!

 

2. Entenda a cabeça dos diretores

 

Maquiagem Artística: a troca de informações com a equipe é essencial no processo de criação.
Maquiagem Artística: a troca de informações com a equipe é essencial no processo de criação.

 

Em boa parte das produções, os diretores são os responsáveis pela obra. Por isso é tão necessário compreender o que as direções de arte, fotografia e figurino esperam de cada projeto. Responder às expectativas desses profissionais e trabalhar em equipe é o caminho mais seguro para garantir um resultado final harmônico.

Muitas vezes, cabe ao maquiador apenas seguir orientações e desempenhar exatamente o que lhe foi solicitado. Acredite, essa compreensão pode ser um grande diferencial quando se está diante de um projeto no qual não há muito espaço para a criação colaborativa.

Conselho de especialista:

  • coloque o ego de lado, seja humilde e atue de acordo com as expectativas dos diretores.

 

3. Domine as técnicas. Conheça materiais e produtos

 

Maquiagem Artística: há uma série de materiais para efeitos como de machucados e cicratrizes.
Maquiagem Artística: há uma série de materiais para efeitos como os de machucados e cicratrizes.

 

O maquiador artístico tem um arsenal de materiais à sua disposição. Os produtos estão cada vez mais resistentes ao calor e à água, o que dá uma boa segurada na make e ajuda os profissionais que estão constantemente expostos à iluminação do teatro, da TV ou do cinema.

Os produtos também estão mais versáteis, o que é uma enorme vantagem, pois é possível chegar a resultados bem diferentes utilizando o mesmo material. Por isso, é importante estar atualizado em relação às tendências e novidades do mercado de beleza e saber o produto certo para cada ocasião.

Embora sejam mais caros, é preciso investir em materiais de primeira linha e para todos os tipos de pele. Além daqueles básicos de um maquiador social, há itens específicos que não podem faltar na maleta do maquiador artístico.

São eles:

  • diversos jogos de pincéis para olhos e lábios;
  • esponjas;
  • paletas de sombras com cores fortes e variadas;
  • espátulas;
  • batons;
  • massa para confecção de próteses: nariz, queixo, orelhas, entre outros;
  • materiais para atuar com técnicas em papel, massa e látex;
  • materiais para efeitos de queimadura com ácido, bolhas, fraturas expostas, hematomas e seus estágios;
  • materiais para técnica de envelhecimento.

 

4. Fique atento às novas tecnologias

 

Parceira inseparável da arte do entretenimento, a tecnologia está sempre presente nas produções, principalmente nas mais grandiosas. Destaque para a evolução dos produtos que compõem a make dos personagens, especialmente na TV e no cinema, que são os campeões dos efeitos especiais.

Hoje, por exemplo, existem bases mais finas e a maquiagem High Definition (HD), com efeitos naturais. Para o cinema, os maquiadores já têm recorrido a próteses para aumento de proporções e tantos outros efeitos como envelhecimento com luz, sombra e látex (efeitos 3D).

 

5. Busque referências e estude sempre

 

Para se dar bem nessa carreira, é necessário estudar sempre, ter curiosidade, criatividade e empenho. A sugestão de quem já está na área é acompanhar os espetáculos, filmes e séries com olhar crítico, ler bastante e, principalmente, estar atento às técnicas e referências do mercado internacional. Buscar conteúdo em inglês é um grande diferencial, já que é lá fora que o uso dos efeitos especiais tem mais fôlego.

Vale, ainda, conversar com profissionais estabelecidos no setor e ficar de olho nas novidades em produtos e serviços.

 

E como está o mercado de trabalho?

 

TV Presenter Receiving a Brushing of Foundation From a Makeup Artist in the Dressing Room of a TV Studio
Maquiagem Artística: a tecnologia trouxe ainda mais desafios para o profissional da área.

 

O mercado de trabalho para a maquiagem está aquecido e com boas oportunidades para maquiadores artísticos. Um dos motivos são as superproduções cada vez mais valorizadas. Outra razão que justifica esse aquecimento é a tecnologia – olha ela aí de novo!

Parece óbvio, mas, seja dentro ou fora das telas, a quantidade e a variedade de produções exigem profissionais que dominam a aplicação de técnicas e produtos específicos, o que ainda é de conhecimento de poucos.

 

Onde atuar?

O campo é diversificado para os maquiadores artísticos, que podem trabalhar nas seguintes atividades:

  • festas temáticas como o Carnaval e o Halloween;
  • espetáculos de circo;
  • cinema;
  • minisséries;
  • novelas;
  • peças de teatro;
  • musicais;
  • peças publicitárias.

Além disso, dá para empreender abrindo o próprio estúdio, prestando consultorias ou criando personagens.

Outra questão que pouca gente considera é a disponibilidade que o maquiador artístico precisa ter para viagens, principalmente se pretende atuar com TV ou cinema. As produções costumam ser longas e demandam um profissional em tempo integral. Por isso, se puder, atualize seu passaporte!

 

Registro Profissional

 

Professional makeup brushes set lying on the table
Maquiagem Artística: a necessidade do registro profissional depende da forma de atuação.

 

Há projetos que exigem que o maquiador cênico tenha um registro profissional para atuar em áreas específicas, como o cinema e a televisão.

É o chamado DRT (Delegacia Regional do Trabalho), registro emitido pelo Ministério do Trabalho que habilita o profissional a atuar no ramo das artes e do entretenimento.

Para trabalhar em teatro, musicais e outros tipos de espetáculos, por exemplo, o maquiador cênico precisa do registro profissional na categoria Espetáculo.

Se a opção for atuar especificamente em TV, o profissional precisa solicitar um registro na categoria de Radialista, setor Caracterização.

Em breve, teremos um conteúdo especial com todos os detalhes sobre a emissão do DRT na área artística. Fique ligado!

E então, essa profissão encanta você? Siga em frente!

Aproveite que a área está em expansão e precisa de jovens talentosos, criativos e comprometidos para assumir projetos cada vez mais desafiadores.

Boa sorte!

Colaboração:
Stephanie G. B. Fortes, docente de beleza e estética do Senac Santana.


Comentários

Comentários