Que tal ser Bombeiro Civil? Conheça 6 perguntas mais comuns sobre a...

Que tal ser Bombeiro Civil? Conheça 6 perguntas mais comuns sobre a profissão

Saiba como é a formação deste profissional e as formas de atuação no mercado de trabalho.

A profissão de Bombeiro Civil não se limite ao combate a princípios de incêndio.
A profissão de Bombeiro Civil não se limita ao combate a princípios de incêndio.

O que vem à sua cabeça ao imaginar o trabalho de um Bombeiro Civil?

Um profissional utilizando um extintor durante o combate a um princípio de incêndio?

A resposta está certa, mas é bom você saber que a atuação do Bombeiro Civil é bem mais ampla.

Ele atua não só no combate a incêndios, mas também na prevenção e no atendimento a outras emergências dentro de empresas e eventos.

Até o ano 2000, essa função era exercida exclusivamente de forma cumulativa e voluntária pelos próprios funcionários das empresas, treinados para atuar em situações de risco, compondo as chamadas Brigadas de Incêndio.

A partir de 2000, a Norma Técnica NBR 14.608 passou a estabelecer algumas exigências para determinar o número mínimo de bombeiros profissionais civis em uma edificação, bem como sua formação, qualificação, reciclagem e atuação.

 

A atuação do Bombeiro Civil é segue normas técnicas e legislações regulamentam obrigatoriedade nas edificações.
A atuação do Bombeiro Civil é estabelecida por norma técnica e a profissão foi regulamentada por lei federal em 2009.

 

Mas foi só em 2009 que a Lei Federal nº 11.901 reconheceu o Bombeiro Civil como uma  profissão, regulamentando sua jornada de trabalho, sua carreira e seus direitos.

No Estado de São Paulo, por exemplo, a Lei Estadual nº 401/2013 é que regulamenta sobre a obrigatoriedade de contratação desse profissional, conforme o tamanho de cada estabelecimento.

Na formação profissional, o Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo, por meio da Lei 15.180/13 e da Portaria CCB008/14, é responsável por credenciar e fiscalizar instituições de ensino e instrutores.

Apesar de todas as normas e reconhecimentos, ainda há muitas dúvidas sobre a atuação desse profissional, principalmente sua formação e formas atuações no mercado de trabalho.

Por isso, relacionamos:

 

6 perguntas mais comuns sobre a profissão de Bombeiro Civil


1- Quais as principais funções do Bombeiro Civil?

 

O Bombeiro Civil é o profissional responsável pelos planos de emergência e gestão de riscos onde atua.

 

O Bombeiro Civil atua em empresas, shows e eventos e fica responsável pela gestão dos riscos de incêndio e outras situações com potencial de gerar uma emergência.

No dia a dia é ele quem faz a inspeção de equipamentos de combate a incêndio e acompanha atividades que envolvam trabalhos de risco na edificação em que atua.

Cabe a ele auxiliar no desenvolvimento de planos de emergência, sempre zelando pela preservação de vidas, respeito ao meio ambiente e proteção ao patrimônio.

O Bombeiro Civil também presta os primeiros socorros a vítimas de acidentes ou qualquer situação que envolva urgência e/ou emergência, realizando o primeiro atendimento até a chegada do resgate.

Esse profissional cumpre um importante papel social ao levar informação e esclarecimento que podem melhorar a qualidade de vida de uma comunidade.

 

2 – As empresas são obrigadas a contratar um Bombeiro Civil?

 

O Bombeiro Civil também é responsável pela inspeção de equipamentos de combate a incêndio.
O Bombeiro Civil também é responsável pela inspeção de equipamentos de combate a incêndio.

 

No âmbito federal, a lei não obriga a contratação de bombeiros civis. Tudo vai depender das exigências de cada legislação estadual e/ou municipal.

No município de São Paulo, por exemplo, o Decreto Nº 58.168/2018 estabelece a presença obrigatória de uma Brigada de Incêndio e Bombeiros Civis nos seguintes estabelecimentos:

 

  • shoppings centers;
  • casas de shows e espetáculos;
  • hipermercados;
  • grandes lojas de departamentos;
  • campi universitários;
  • áreas públicas ou privadas com grandes concentrações de pessoas (acima de 1 mil pessoas);
  • demais edificações ou plantas cuja ocupação ou uso exija a presença de Bombeiro Civil, conforme legislação estadual de proteção contra incêndios do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar do Estado de São Paulo.

 

3 – Como é a formação de um Bombeiro Civil e como funciona o curso?

 

 Além do curso básico, o Bombeiro Civil precisa passar por um curso de reciclagem anualmente.
Além do curso básico, o Bombeiro Civil precisa passar por um curso de reciclagem anualmente.

 

A lei federal prevê ainda que o profissional seja habilitado por meio de um curso básico.

O curso inicial de Bombeiro Civil tem carga horária obrigatória de 210 horas, com conteúdo teórico e prático.

Vale ressaltar que esse programa de capacitação precisa estar credenciado pelo Corpo de Bombeiros e em conformidade com a legislação estadual sobre o tema.

Na prática, o curso trata não só do combate a diferentes tipos de incêndio, como também o manuseio de equipamentos para essa atividade.

A formação contempla ainda as noções básicas de resgate em diferentes situações terrestres e em altura.

Os alunos aprendem também como socorrer uma vítima em situações diversas, mas sem ultrapassar suas limitações legais, emocionais e técnicas.

Para fazer esse curso, o interessado deve ter, no mínimo, 18 anos de idade, ter concluído o Ensino Fundamental, além de ter sido aprovado em exame médico, no máximo 60 dias antes do início do curso.

Este atestado deve comprovar aptidão para as atividades práticas do curso e precisa ser emitido por um consultório de Medicina do Trabalho ou clínica médica particular (geralmente não é emitido pelo SUS – Sistema Único de Saúde).

Depois de formado, o profissional precisa passar anualmente por um curso de reciclagem, conforme instrução da NBR 14.608 e outras legislações estaduais/municipais.

 

4- Como o Bombeiro Civil pode atuar no mercado de trabalho?

 

A legislação também classificou a carreira de Bombeiro Civil em três categorias.
A legislação também classificou a carreira de Bombeiro Civil em três categorias.

 

O Bombeiro Civil pode atuar como:

  • Profissional empregado: contratado diretamente pelas empresas que necessitem desse trabalho.
  • Profissional terceirizado: com atuação em empresas que prestam serviços na área da segurança patrimonial. Esse é o tipo de contratação mais comum no mercado de trabalho.
  • Profissional autônomo: pode também atuar por conta própria em grandes eventos como: festas em clubes, casas noturnas, estádios de futebol, etc.

 

A legislação que regulamentou a profissão previu também a criação de uma carreira para o Bombeiro Civil, classificando o profissional em três categorias:

  • Bombeiro Civil: com curso básico de Bombeiro (operacional) – com piso salarial em torno de 2 salários mínimos federais* (sem gratificação).
  • Bombeiro Civil Líder: com curso Técnico de Nível Médio, que inclui uma disciplina de prevenção e combate a incêndio e comando de equipe – com piso salarial em torno de 3 salários mínimos federais* (sem gratificação).
  • Bombeiro Civil Mestre: engenheiro com especialização em prevenção e combate a incêndio, que realiza o comando da unidade de trabalho – com piso salarial em torno de 8 salários mínimos federais* (sem gratificação).

*De acordo com tabela do Sindicato dos Bombeiros Civis do Estado de São Paulo.

 

Além da remuneração, com jornada em regime de plantão 12×36, o Bombeiro Civil recebe do empregador uniforme, gratificação de periculosidade e seguro de vida.

Como você percebeu, as perspectivas de crescimento na carreira estão diretamente relacionadas ao empenho na busca por especialização.

 

5- Qual é a diferença entre um Bombeiro Civil e um Bombeiro Militar?

 

Bombeiro militar recebe treinamento mais completo e rígido para atuar em diferentes situações.
Bombeiro militar recebe treinamento mais completo e rígido para atuar em diferentes situações.

 

O Bombeiro Militar é um profissional concursado que atende o Estado e possui um leque de atuação muito maior que o Civil.

O profissional militar recebe um treinamento bem mais completo e rígido para atuar em diferentes situações, como:

 

  • Incêndios florestais, urbanos, industriais, entre outros.
  • Resgates e emergências médicas.
  • Salvamento aquático e afogamentos.
  • Desencarceramento em acidentes rodoviários e ferroviários (vítimas presas em ferragens).
  • Intervenção em incidentes elétricos, hidráulicos e com materiais inflamáveis.
  • Captura de animais correndo ou oferecendo risco.
  • Resgate de corpos ou bens submersos.

 

Observação: quando o Bombeiro Militar estiver atuando na ocorrência, é ele quem coordenará a atuação do Bombeiro Civil.

 

6- Quais as qualidades e competências de um bom profissional nesta área?

 

Ter iniciativa, agir com antecipação e prevenção estão entre as qualidades de um Bombeiro Civil.
Ter iniciativa, agir com antecipação e prevenção estão entre as qualidades de um Bombeiro Civil.

 

O Bombeiro Civil deve exercer sua função com eficiência (observar todas as normas) e probidade (responsabilidade, honestidade e conduta irrepreensível).

É importante que se comporte de forma respeitosa, com uma postura técnica e o entendimento de que ele está ali para prestar seus serviços sem qualquer tipo de discriminação.

Para isso, espera-se que o profissional seja generoso, cooperativo e tenha uma postura proativa.

Ser proativo significa ter iniciativa, agir com antecipação e prevenção. O profissional não deve esperar o incidente acontecer para agir.

Precisa evitar os riscos e, se não puder fazer isso, tem o papel de minimizá-los.

 


E aí, ficou interessado em atuar como Bombeiro Civil?

Diante do mercado de trabalho tão amplo, quem sabe não seja a hora de investir nesta profissão que previne riscos e salva vidas?

Se seu objetivo é se profissionalizar nesta área, conheça os detalhes do curso de qualificação profissional de Bombeiro Civil.

Colaboração:
Paulo Roberto Aragão de Oliveira, docente do Senac Jabaquara


Veja também!

Comentários

Comentários

COMPANY NAME
Dolor aliquet augue augue sit magnis, magna aenean aenean et! Et tempor, facilisis cursus turpis tempor odio. Diam lorem auctor sit, a a? Lundium placerat mus massa nunc habitasse, arcu, etiam pulvinar.
* we hate spam and never share your details.
Thank You. We will contact you as soon as possible.
ARE YOU READY? GET IT NOW!
Increase more than 500% of Email Subscribers!
Your Information will never be shared with any third party.