Redação em idiomas: dicas certeiras para mandar bem no inglês, francês ou espanhol

redacao_idiomas

Escrever uma boa redação na língua nativa já costuma ser o grande desafio de quem busca passar no vestibular ou em um concurso público. Se pensarmos em produzir uma redação em idiomas (seja em inglês, seja em espanhol, francês ou qualquer outra língua), a tarefa parece ser ainda mais complicada.

Veja a seguir algumas estratégias que vão ajudar você a se expressar e aprimorar a escrita em qualquer língua.

Siga os 3 passos para produzir uma excelente redação em idiomas

1 – Pratique

  • Leia sobre vários assuntos no idioma desejado para ampliar o vocabulário. Vale tudo: textos curtos, artigos, notícias, livros, etc.
  • Faça resumos, descrevendo conteúdo, personagens e outros aspectos do que leu.
  • Observe modelos de textos prontos (cartas, redações, entre outros).

Se seu nível é mais básico, tente incorporar, conforme evolui, as seguintes práticas ao dia a dia:

  • Escreva um parágrafo com frases curtas e simples, diariamente, nessa ordem: sujeito, verbo, objeto e complemento.
  • Redija um parágrafo por dia com os conectores adequados.
  • Faça um texto com, no mínimo, dois parágrafos.
  • Elabore resumos de diálogos dos livros de estudo.
  • Escreva um diário.

2 – Prepare-se

Antes de começar uma redação em idiomas, planeje o que e como você pretende escrever.

  • Faça um levantamento das ideias que serão apresentadas.
  • Pense nas estruturas que gostaria de usar. Tente incluir as novidades que aprendeu recentemente.
  • Esboce como você pretende organizar os parágrafos.

3 – Avalie

  • Terminou? Então, releia o texto e faça os ajustes que achar necessários (palavras, frases, parágrafos).
  • Anote os erros que mais comete e dê uma olhada na lista antes e depois da próxima redação de idiomas. Isso ajuda a reduzir os deslizes ou até a acabar de vez com eles.

Viu que fácil? Essas estratégias são simples, mas certeiras. Invista um tempinho na aplicação delas e depois conte os resultados para nós!

Colaboração: Equipe de docentes e coordenadores da área de idiomas do Senac São Paulo.

Veja também!

Comentários

Comentários